Mitologia – O Destino

//Mitologia – O Destino

Mitologia – O Destino

Bom dia Amigos…

Hoje falaremos sobre o Destino.

O Destino é uma divindade cega, inexorável nascida da Noite e do Caos. Todas as outras divindades estavam submetidas ao seu poder. O céu, a terra, o mar e o inferno faziam parte do seu império: o que resolvia era irrevogável; em resumo, o Destino era por si mesmo essa fatalidade, segundo a qual tudo acontecia no mundo. Zeus, o mais poderoso dos deuses, não pode aplacar o Destino, nem a favor dos outros deuses, nem a favor dos homens.

As leis do Destino eram escritas desde o princípio da criação em um lugar onde os deuses podiam consultá-las. Os seus ministros eram as três Parcas (ou Moiras) encarregadas de executar as ordens. Representam-no tendo sob os pés o globo terrestre e um cetro, símbolo do seu poder soberano. Para mostrar que era inflexível, os antigos o representavam por uma roda que prende uma cadeia. No alto da roda uma grande pedra e embaixo duas cornucópias com pontas de azagaia. São as leis cegas do Destino que tornaram culpados a tantos mortais, apesar do seu desejo de permanecer virtuosos. Só os oráculos podiam entrever e revelar o que estava escrito no livro do Destino.

Paz e luz!

Dani

Print Friendly, PDF & Email
2017-03-18T20:22:05+00:0009 fevereiro 2014|Categorias: Mitologia, Mitos e Lendas|Tags: , |

About the Author: