Deusas: Sapientia – A Deusa da Sabedoria

//Deusas: Sapientia – A Deusa da Sabedoria

Deusas: Sapientia – A Deusa da Sabedoria

16 de Dezembro

Festival de Sapientia, a Deusa da Sabedoria, em Roma.
Sapientia – do latim, Senhora Sabedoria, equivalente à grega Sophia – tornou-se uma deusa venerada pelos gnósticos, alquimistas, cabalistas, filósofos medievais e mestres hermetistas*. Era representada, às vezes, como a “Sereia dos Filósofos”, vertendo o vinho branco do conhecimento e o tinto da iluminação dos seus seios, enquanto ela surgia do Mar Universal.

Os místicos renascentistas assemelharam-na à sabedoria de Deus, à Deusa Interior, à Mãe Natureza ou à Virgem Maria. Era descrita como a Rainha querida de Deus, fundação primordial de toda a criação, apresentada como uma tríade: Sapientia Creans, a criadora; Disponans, a que une todas as coisas em harmonia e Gubernans, a Divina Providência, ou seja, aspectos ancestrais da tríplice manifestação da Grande Mãe.

Outra antiga deusa romana da sabedoria e das profecias era Egeria, cujo nome, ainda hoje, é usado para designar as mulheres conselheiras. A lenda descreve-a como uma ninfa aquática que se apaixonou e casou com o rei Numa Pompilius, ensinando-lhe os rituais corretos de veneração da Terra. Também foi Egeria quem deixou como legado as primeiras leis de organização das cidades. Mais tarde, ela tornou-se uma divindade complexa, regente das fontes, conselheira e curadora, venerada pelas mulheres grávidas, que lhe pediam presságios e orientação sobre seus filhos. Seu culto foi assimilado ao da deusa Diana, com quem dividia o altar e a fonte do bosque sagrado de Nemi.

Medite neste dia sobre aqueles aspectos de sua vida onde precisa buscar ou demonstrar mais sabedoria. Invoque as deusas da sabedoria – Atena, Minerva, Sofia, Kista, Sapientia ou “A Mulher Coruja” – e peça ao seu animal totêmico ou à Coruja Branca, que intercedam perante as Deusas e lhe tragam mensagens esclarecedoras ou sinais e presságios sobre como agir com segurança e sabedoria.

“* – Hermetismo, estudo e prática da filosofia oculta e da magia associadas aos escritos atribuídos a Hermes Trimegisto, “Hermes-Três-Vezes-Grande, uma deidade sincrética que combina aspectos do deus grego Hermes e do deus egípcio Thoth).

O Anuário da Grande Mãe
Mirella Faur

 

Print Friendly, PDF & Email
2017-03-18T22:07:23+00:00 16 dezembro 2016|Categorias: Deusas|Tags: , , , , |

About the Author:

Olá, meu nome é Fernanda, mas me chamam de Nanda, Fê, Fer, etc.. fique à vontade! Tenho 48 anos, nasci e moro em São Paulo. Sou espiritualista e procuro retirar o melhor que cada religião tem a oferecer. Trabalho numa fraternidade espírita há muitos anos. E com o passar do tempo, as pessoas começaram a me procurar para conversarem, desabafar, falar sobre seus problemas. De alguma forma inspirava confiança nelas. Paralelamente fui me aperfeiçoando nas Terapias Holísticas. Minha mediunidade é a intuição. Minha mentora direta é Nahira e a cigana que me acompanha é Lia. Elas estão sempre por perto me orientando e ajudando quando preciso ouvir e aconselhar alguém. Muitas vezes eu mesma me surpreendo com as palavras que falo. Fora elas temos os mentores da Fraternidade que orientam nosso trabalho, pois independente de qualquer coisa, nosso maior desejo é que as pessoas realmente descubram a força que têm dentro de si mesmas.